Por dentro dos impostos: quais são e para o que servem

Se existe uma coisa que o nosso governo sabe cobrar é imposto. Apesar de acharmos alguns desses impostos exorbitantes, todos nós precisamos cumprir a nossa obrigação para com o governo. Porém, também precisamos conhecer direitinho em prol do que o nosso dinheiro está sendo encaminhado.

Hoje vamos falar um pouco mais sobre esse assunto. Muitas vezes nós pagamos determinado imposto e não sabemos para o que ele realmente serve. Outra dúvida comum são as nomenclaturas usadas para cada imposto. Então se você quer saber mais sobre assunto (imposto federal, imposto municipal e imposto estadual), fique atento a esse post. Até porque também é nossa obrigação, como cidadãos, ter conhecimento sobre esse tema.

Imposto Federal (arrecadado pela União)

II (Imposto de Importação) – É o imposto sobre a importação de produtos estrangeiros e sobre a bagagem do viajante que vem do exterior.

IE (Imposto de Exportação) – É o imposto sobre a exportação para o estrangeiro, de produtos nacionais ou nacionalizados.

IR (Imposto de Renda) – É o imposto sobre os rendimentos tributáveis superiores a R$ 28.123,91. Seu contribuinte é qualquer pessoa física ou jurídica que acumule renda que supere o valor citado.

IPI (Imposto sobre Produtos Industrializados) – É o imposto sobre produtos industrializados cobrado do valor total das vendas de seus produtos e das pessoas jurídicas.

IOF (Imposto sobre Operações Financeiras) – É o imposto que incide sobre operações de crédito, câmbio e seguro, e sobre operações relativas a títulos e valores mobiliários.

ITR (Imposto sobre Propriedade Territorial Rural) – É o imposto arrecadado pela União e dividido em partes iguais com o Município onde está o imóvel.

Imposto Estadual (arrecadado pelos estados)

ICMS (Imposto sobre Operações Relativas à Circulação de Mercadorias e sobre Prestações de Serviços de Transporte Interestadual e Intermunicipal e de Comunicação) – É o imposto sobre movimentação de mercadorias. Também recai sobre o transporte interestadual, intermunicipal e telefonia. É a principal fonte de rentabilidade dos estados.

IPVA (Imposto sobre a Propriedade de Veículos Automotores) – É o imposto que sobrevém sobre a propriedade de veículos.

ITCMD (Imposto de Transmissão Causa Mortis e Doação) – Esse tipo de imposto é mais comum ocorrer no recebimento de bens provenientes de herança ou doação.

Imposto Municipal (arrecadado pelos Municípios)

ISS (Imposto Sobre Serviços de Qualquer Natureza) – É o imposto que incide sobre o prestador de serviços como médicos, barbeiros, cabeleireiros, contadores, advogados, locais de ensino, hotéis e outros serviços onde não há cobrança de ICMS

IPTU (Imposto sobre Propriedade Predial e Territorial Urbana) – É o imposto cobrado sobre a propriedade de imóveis na zona urbana.

ITBI (Imposto sobre Transmissão de Bens e Imóveis Inter vivos) – É o imposto cobrado sobre a mudança de propriedade de imóveis.

Bem, então esses são os impostos que temos a obrigação de pagar ao governo. É sempre bom saber para onde o nosso dinheiro está indo. Se você gostou do assunto, continue acessando o nosso portal para ficar por dentro de mais temas como esse, e também outras pautas bastante interessantes.

Seja o primeiro a comentar

Faça um comentário

Seu e-mail não será divulgado.


*