O Que é Comissão de Licitação?

O Que é Comissão de Licitação?

Se você está habituado quanto ao processo de licitação pública, já deve ter escutado o termo comissão de licitação. Mas, você sabe do que se trata e como é formada essa comissão? Compreender todos os detalhes que envolvem a compra de bens e serviços por parte da administração pública é fundamental para vencer no certame. Assim como dominar o assunto também indispensável para servidores públicos que possam vir a integrar uma comissão.

Por essa razão, continue a leitura do artigo para compreender qual a função da formação desse grupo, como atuam e quais critérios legais devem obedecer.

Afinal, o que é comissão de licitação?

Conforme previsto na Lei de Licitações nº 8.666/93, a comissão de licitação é responsável por conduzir, analisar e julgar os atos do procedimento licitatório. Ela é formada por no mínimo três agentes públicos nomeados pelo governo. Sendo que ao menos dois desses integrantes devem obrigatoriamente trabalhar no órgão administrativo que solicitou a licitação.

É função da comissão de licitação:

  • conduzir o processo licitatório;
  • analisar e responder às impugnações interpostas no edital;
  • abrir e julgar atos da sessão da licitação;
  • realizar o credenciamento dos licitantes;
  • classificar propostas;
  • receber envelopes de habilitação e propostas;
  • analisar e julgar as fases da habilitação;
  • decidir diligências;
  • decidir recursos administrativos.

Mas, atenção, não cabe a comissões de licitação homologar ou adjudicar propostas. Essa atribuilção fica a cargo da autoridade competente.

Além disso, a comissão de licitação existe apenas nas modalidades concorrência, tomada de preços e convite. Ainda há uma exceção permitida para a modalidade carta-convite, em pequenas unidades administrativas, quando há carência de servidores disponíveis. Nesses casos, a comissão pode ser substituída por um único servidor designado pela autoridade em questão.

Já no pregão, não há uma comissão. A função de conduzir o procedimento licitatório é responsabilidade do pregoeiro, que pode contar com uma equipe de apoio.

Vale ressaltar ainda que as comissões devem ser renovadas anualmente. Entretanto, ainda que a formação original do grupo não possa se repetir de um ano para o outro, é permitido realizar a recondução parcial de alguns dos integrantes.

Saiba mais sobre licitação pública

Agora que você já sabe como é composta a comissão de licitação e as funções desse grupo em um processo licitatório, aprofunde seus conhecimentos no assunto. Descubra como é feita uma licitação pública e veja também como se tornar um analista de licitação.

Gostou do artigo? Então continue acompanhando as publicações do E-Dou, que toda semana tem conteúdo novo para você manter-se informado.

Seja o primeiro a comentar

Faça um comentário

Seu e-mail não será divulgado.


*